A Escola de Formação de Professores de Bilibiza na vila de Bilibiza, na província de Cabo Delgado foi na noite do dia 29 de Janeiro de 2020, alvo de um ataque por um grupo de insurgentes que atacaram a aldeia, e incendiaram casas.

A escola ainda não havia retomado as aulas após as férias de Ano Novo e apenas alguns professores e alunos estavam presentes. No entanto, eles conseguiram sair antes do ataque e ninguém ficou ferido.

De referir que a ADPP gere 11 Escolas de Formação de Professores Primários em Moçambique, em colaboração com o Ministério da Educação e Desenvolvimento Humano, e coordenará com o mesmo o que acontecerá nas próximas semanas relativamente ao programa pedagógico, alunos e professores.

Para mais informações ler a notícia da REUTERS.